Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2011

Avião se parte ao meio na Guiana, mas ninguém morre

UOL NotíciasUm avião da companhia Caribbean Airlines com 163 pessoas a bordo sofreu um acidente e se partiu em dois na madrugada deste sábado na Guiana. Surpreendentemente, ninguém morreu. Alguns passageiros sofreram lesões leves.

Scanner corporal tenta impedir tráfico em aeroportos do país

Marcela Rahal - UOL Notícias

Equipamentos chamados de scanner corporal estão sendo testados desde o ano passado em 4 aeroportos do país para impedir que passageiros embarquem com drogas, armas e até explosivos. Na semana passada, o chamado scanner corporal ajudou a Polícia Federal a prender 22 africanos que tentavam embarcar com cocaína no corpo, no aeroporto internacional de Guarulhos com destino para Angola. 

Pantanal deixa de operar com avião de 45 lugares

Marcela Gonsalves - O Estado de S.Paulo

A Pantanal, companhia aérea que pertence à TAM, antecipou para ontem o fim das operações com aviões de 45 lugares em Araçatuba, Bauru, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto, no interior paulista, e Juiz de Fora e Uberaba (MG). Três aeronaves ATR-42 operavam nesses trechos. O encerramento estava previsto para o fim do mês, mas foi alterado por "motivos estratégicos".

Em Bauru, foi mantida a operação com aviões Airbus A319 - a companhia concentrará atividades nos padrões da TAM. Em Araçatuba, Juiz de Fora e Uberaba, os clientes têm à disposição serviços da Trip, com a qual a TAM mantém acordos. Clientes com bilhetes comprados até o dia 31 podem pedirreacomodação em voos da Pantanal, da TAM ou de companhias congêneres, além de pedir reembolso integral.

Governo adia por um mês leilão de aeroporto potiguar

São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte, que deveria ir à licitação no dia 19 de julho, tem nova data: 22 de agosto

Edna Simão / O Estado de S.Paulo


BRASÍLIA - O governo federal decidiu adiar o leilão do Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante (RN) do dia 19 de julho para 22 de agosto. Apesar dos boatos sobre a falta de interessados, o ministro da Secretaria de aviação Civil (SAC), Wagner Bittencourt, fez questão de dizer que a prorrogação foi necessária para esclarecer as inúmeras dúvidas dos grupos que querem participar da primeira concessão de um aeroporto à iniciativa privada.

"Existem grupos muitos interessados que estão se estruturando", afirmou o ministro. "Alteramos a data para promover mais a competição e dar tempo para que o mais interessado vença o leilão", acrescentou.

Bittencourt participou ontem de reunião com as companhias aéreas para tratar de medidas para impedir o caos nos aeroportos nas férias de fim de ano. Também estiveram no enc…

Empresas aéreas terão que dividir balcões de check-in no fim do ano

Com medida, governo quer evitar caos e implantará projeto-piloto de autoatendimento

Geralda Doca - O Globo


BRASÍLIA. Na tentativa de suprir parte da deficiência da infraestrutura aeroportuária, o governo decidiu que nas férias de fim de ano as companhias aéreas terão que adotar o uso compartilhado dos balcões de check-in e dos terminais de autoatendimento (tótens) nos principais terminais do país, estudoantecipado pelo GLOBO em maio.

Também será implantado, em agosto, um projeto-piloto em Brasília e Guarulhos para que o próprio passageiro possa, pelo totem, fazer todo o procedimento de embarque sozinho: check-in, verificar passaporte, identificação digital, emitir e colar a etiqueta na bagagem e despachá-la na esteira.

As novidades foram comunicadas ontem às empresas aéreas numa reunião com o ministro da Secretaria de Aviação Civil (SAC), Wagner Bittencourt, e outras autoridades do setor. A ideia do uso compartilhado é aproveitar melhor espaços ociosos e reduzir filas. Atualmente, as comp…

Americano acumula 10 mihões de milhas e vira "passageiro VIP"

Imagem
Thomas Stuker não enfrentará mais filas e teve avião batizado em sua homenagem
Um empresário americano que acumulou um total de 10 milhões de milhas em voos comerciais da empresa United Airlines foi recompensando com um tratamento VIP.

Ele não precisará mais enfrentar filas ao embarcar em diferentes aeroportos, ganhará sempre upgrade para uma classe superior em todos os voos que embarcar da empresa e teve até mesmo um avião batizado em sua homenagem.

O consultor na área de vendas Thomas Stuker alcançou a marca recorde após um voo neste sábado que partiu de Los Angeles com destino a Chicago, sua cidade natal.

Ele embarcou em 5.962 voos da United Airlines. Seu total acumulado de milhagens equivale a dar 400 voltas a redor do mundo.

A milhagem recorde de Stucker foi obtida ao longo de 29 anos. Ele obteve suas primeiras 5 milhões de milhas em 19 anos e conseguiu a dobrar esse número nos dez anos seguintes.

''Por isso, acreditamos que estaremos aqui nos próximos cinco anos, quando v…

Número de embarques em voos no Brasil aumenta 22%

Pedro Peduzzi
Repórter da Agência Brasil

Brasília - O número de embarques em voos no Brasil cresceu 22% entre 2009 e 2010. Em mais de 90% dos casos, ao longo do ano passado, todas as etapas de voo previstas – medidas pelo índice de regularidade – foram cumpridas. Em dezembro, período de férias, apenas 74,3% dos voos foram considerados pontuais. Maio foi o mês que apresentou maior índice de pontualidade: 87,7%. Os dados constam do Anuário do Transporte Aéreo, publicado hoje (4) pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

No quesito pontualidade, 2010 começou com o índice em 79,4%. Atingiu o ápice em maio (87,7%) e, em julho, também período de férias, caiu para 82,8%. Esse percentual se manteve sem grandes variações até novembro, na faixa dos 82%. Em dezembro, outro período de férias, foi registrada queda para 74,3%.

Ao longo de todo o ano de 2010, o índice de regularidade dos voos se manteve entre 90% e 95%. Ele é responsável por avaliar, entre outros procedimentos das empresas, o perce…

Aéreas acumulam perda de R$ 5,7 bi em cinco anos

Segundo a Anac, apenas em 2010 o prejuízo com o transporte de passageiros foi de R$ 640,8 milhões

Alberto Komatsu | Valor

De São Paulo

A aviação comercial brasileira amargou, no ano passado, uma perda de R$ 640,8 milhões com a sua atividade principal, o transporte de passageiros no país e no exterior, conforme divulgou ontem o Anuário do Transporte Aéreo de 2010, da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Nos últimos cinco anos, as empresas brasileiras acumulam prejuízo de R$ 5,7 bilhões. Nesse mesmo período a demanda doméstica cresceu 96%.

O levantamento da Anac considera o chamado resultado de voo, que exclui operações financeiras e receitas auxiliares (venda de lanche a bordo, por exemplo). Os principais itens levados em conta nesse critério são venda de passagens, transporte de carga, fretamentos e mala postal.

Guerra tarifária, alta do preço do barril de petróleo e crises econômicas externas, na avaliação de especialistas, explicam porque é difícil o setor aéreo ganhar dinheiro. 

Com…

Governo reforça pessoal de Infraero e Anac para evitar caos aéreo nas férias

Companhias prometem aumentar efetivos nos horários de pico nos aeroportos

Geralda Doca - O Globo

BRASÍLIA. O governo anunciou ontem um conjunto de medidas para evitar caos nos aeroportos nas férias de julho. Entre elas estão o reforço das equipes de funcionários da Infraero e de fiscais da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) durante o funcionamento dos terminais - 24 horas no caso dos que operam rotas para o exterior -, e o compromisso por parte das companhias aéreas de aumentarem seus efetivos durante os horários de pico.

No pacote não há proibição expressa à prática de overbooking (venda de assentos superior à capacidade da aeronave). E caberá aos fiscais da Anac verificar, nos principais aeroportos, se as empresas estão prestando a devida assistência aos passageiros em caso de atrasos e cancelamentos de voos.

Quem é marinheiro de primeira viagem poderá contar com a ajuda dos funcionários da Infraero - mil empregados das áreas de operação e comunicação usarão coletes amarelos com o…

Tempo fechado em aeroportos

Buracos em nuvens causados por aviões aumentam precipitação de chuva e neve

O Globo

A passagem de aviões por dentro de nuvens forma buracos e canais que aumentam a precipitação de chuva e neve, principalmente em áreas do entorno de aeroportos, num raio que pode chegar a 100 quilômetros. É o que diz estudo liderado por Andrew Heymsfield, do Centro Nacional de Pesquisas Atmosféricas dos EUA, e publicado na edição desta semana da revista “Science”.

A água na atmosfera pode permanecer líquida em temperaturas bem abaixo do congelamento se não tiver um núcleo — poeira ou sal, por exemplo — que a leve a formar cristais de gelo, o que só acontece naturalmente quando a temperatura do ar fica muito baixa, em torno de - 40 C. O processo é similar ao usado na semeadura química de nuvens, em que a dispersão de partículas sólidas, geralmente de iodeto de prata ou de gelo seco (CO2), provoca a condensação das gotículas de água, desequilibrando a estrutura da nuvem e forçando a chuva a cair. No caso dos…

Americano é picado por escorpião durante voo para o Alasca

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

Um homem foi picado por um escorpião em um voo comercial que saiu de Austin para Anchorage, nos Estados Unidos.

Jeff Ellis contou, ao canal de TV KPTV, que estava tentando dormir em um voo noturno da Alaska Airlines, no último dia 17 de junho, quando sentiu algo subindo pela manga da camisa e tratou de expulsar aquilo com a mão. No entanto, o bicho voltou a subir pelo corpo do americano que tomou um susto ao ver o animal.

"Olhei para a minha mão e disse: 'Meu Deus, é um escorpião'", afirmou.

Ellis tentou agarrar o escorpião com um guardanapo, mas foi picado no cotovelo.

O americano foi atendido por um médico a bordo e depois por outro já no aeroporto de Anchorage, no Alasca.

Funcionários da Alaska Airlines desconfiam que o escorpião subiu a bordo do avião em Austin, no Texas.

A companhia ofereceu a Ellis 4.000 milhas em seu programa de fidelidade e duas passagens de avião.

*Com informações da AP