Superlotado, avião que caiu no PA levava 3 pessoas além da capacidade

Especificações do avião indicam que ele podia levar apenas quatro pessoas.

Sete vítimas estavam na aeronave; quatro morreram.


Do G1 PA

O avião que caiu em Novo Progresso na tarde de quinta-feira (15) matando quatro pessoas estava superlotado. De acordo com as especificações da aerovane, o monomotor de prefixo PT-NCJ, podia transportar apenas quatro pessoas, sendo o piloto e três passageiros. No momento do acidente, porém, sete pessoas estavam a bordo.


Resultado de imagem para acidente avião novo progresso

Segundo a Polícia Civil, o acidente teria ocorrido durante a tentativa de pouso da aeronave, que decolou de um garimpo da região rural do município com destino à sede da cidade.

Além dos quatro mortos, três ocupantes ficaram feridos e foram encaminhados para o Hospital Municipal de Novo Progresso, de onde foram transferidos para o estado do Mato Grosso a pedido da família nesta sexta-feira (16).

Além da superlotação, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que o monomotor não tinha permissão para voar. Uma equipe do Seripa foi deslocada para o local para investigar o acidente.




Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Avião de pequeno porte cai no mar em Paraty, na Costa Verde do Rio

American Airlines não leva brasileiros para réveillon em Nova Iorque

4 ficam feridos em pouso brusco de helicóptero na plataforma da Petrobrás