British Airways conclama a rastrear mísseis terra-ar

Voz da Rússia

A companhia aérea British Airways conclamou as Nações Unidas a concluir uma convenção internacional relativamente ao rastreamento de mísseis terra-ar, relata o The Guardian.

Os representantes da companhia aérea conclamam a tomar essas medidas após o acidente do Boeing 777 na Ucrânia.

"Pelo menos, isso iria ajudar a manter um sistema de contabilização de tais armas em todo o mundo e definir claramente qual dos países é responsável por sua utilização", declarou o representante da International Airlines Group, Willie Walsh.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Aviação russa fará voo de observação sobre os EUA