Gol indenizará família que comeu só bolachas durante 10 horas

Justiça afirma que companhia aérea não teria disponibilizado refeições adequadas em viagem de férias para Punta Cana, na República Dominicana, em 2012.


Veja

Uma família de Itajaí, em Santa Catarina, vai ser indenizada em 26 000 reais pela companhia aérea Gol. A empresa não teria disponibilizado refeições adequadas em viagem de férias para Punta Cana, na República Dominicana. O caso ocorreu no réveillon de 2012. 


A decisão de demitir os funcionários da Webjet faz parte de um processo de reestruturação e corte de gastos da companhia aérea
Empresa deverá pagar R$ 26 mil para família que teve de comer apenas bolachas (Yasuyosh Chiba/AFP/VEJA)

A família havia embarcado em Curitiba pela manhã e desembarcado em Guarulhos, onde faria a conexão para o destino final. Mas o voo atrasou e todos tiveram de permanecer por duas horas dentro da aeronave até a decolagem, sem acesso a alimentação adequada.

A viagem até Punta Cana durou mais sete horas.

A 1.ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de Santa Catarina manteve a condenação, por unanimidade, da companhia aérea na terça-feira 25 de outubro. Para o relator da apelação (número 0001262-52.2014.8.24.0033), desembargador Jorge Luiz de Borba, “além de não cumprir com suas obrigações de assistência material no atraso, a empresa deixou de oferecer alimentação adequada e proporcional ao tempo de espera”.

“Os autores anexaram ao processo registros de outros consumidores, que estavam na mesma viagem, na página eletrônica ‘reclame aqui’, especializada nesse tipo de controvérsia, confirmando os fatos”, concluiu o magistrado.

Jorge Luiz de Borba destacou que a companhia aérea “somente poderia se isentar dos danos morais caso comprovasse culpa exclusiva da vítima ou motivo de força maior, o que não foi provado”.

A Gol Linhas Aéreas informou que não comenta decisões judiciais.




Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Avião de pequeno porte cai no mar em Paraty, na Costa Verde do Rio

American Airlines não leva brasileiros para réveillon em Nova Iorque

4 ficam feridos em pouso brusco de helicóptero na plataforma da Petrobrás