Gol faz 1º voo internacional com biocombustível

Voo de Orlando para São Paulo utilizou combustível derivado da cana-de-açúcar


AeroMagazine

A GOL em parceria com a Amyris, que atua no segmento de combustíveis e químicos renováveis, se tornou a primeira companhia aérea brasileira a realizar um voo internacional com biocombustível.

O voo operado por um Boeing 737-800 utiliza o primeiro bioquerosene produzido no Brasil, recém certificado após revisão da norma D7566, desenvolvida pela ASTM International sobre produtos petrolíferos, combustíveis líquidos e lubrificantes.




O abastecimento utilizou um “blending” na proporção de 10% do combustível renovável, obtido a partir da cana-de-açúcar e produzido pela Amyris, e 90% de combustível fóssil.


O voo 7725 partiu de Orlando (Estados Unidos) para Santo Domingo (República Dominicana), seguindo posteriormente para São Paulo.

A expectativa é realizar outros voos ainda este ano, já que estas operações fazem parte da assinatura de um memorando de entendimento, realizada em outubro de 2013. O acordo prevê que GOL e Amyris trabalharão juntas para estruturar um programa de uso de combustível de aviação renovável derivado de cana-de-açúcar.

O trabalho em conjunto estabelecido nos últimos anos tem como parceiros a Plataforma Brasileira do Bioquerosene, Boeing, Amyris, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), entre outros.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Embraer e Japan Airlines estendem programa de peças de reposição da frota de E-Jets

Aviação russa fará voo de observação sobre os EUA