Ucrânia e Holanda assinam acordo sobre investigação da queda do Boeing

Voz da Rússia

O Ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Pavel Klimkin, e seu homólogo da Holanda, Frans Timmermans, assinaram esta quinta-feira um memorando sobre a investigação do acidente do Boeing 777 da Malásia, na região de Donetsk, informou esta quinta-feira a administração presidencial ucraniana na sua página no Twitter.


Ucrânia, Holanda, investigação, boeing

"Os ministros das Relações Exteriores da Ucrânia e da Holanda assinaram, na presença do presidente da Ucrânia, um memorando sobre a investigação da tragédia. A Ucrânia delega na Holanda a investigação do acidente", afirma o comunicado.

A maioria dos passageiros do avião eram cidadãos da Holanda. Ontem, o país recebeu dois aviões com restos mortais de passageiros. Esta quarta-feira, a Holanda está em luto.

O Boeing 777 da Malaysia Airlines, que decolou de Amsterdã em direção a Kuala Lumpur, caiu em 17 de julho, no leste da Ucrânia. A Rússia acredita que o acidente deve ser investigado por um grupo internacional de peritos, sob os auspícios da ICAO.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Aviação russa fará voo de observação sobre os EUA

Avião russo com 92 pessoas a bordo cai no mar Negro