Ucrânia e Holanda assinam acordo sobre investigação da queda do Boeing

Voz da Rússia

O Ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Pavel Klimkin, e seu homólogo da Holanda, Frans Timmermans, assinaram esta quinta-feira um memorando sobre a investigação do acidente do Boeing 777 da Malásia, na região de Donetsk, informou esta quinta-feira a administração presidencial ucraniana na sua página no Twitter.


Ucrânia, Holanda, investigação, boeing

"Os ministros das Relações Exteriores da Ucrânia e da Holanda assinaram, na presença do presidente da Ucrânia, um memorando sobre a investigação da tragédia. A Ucrânia delega na Holanda a investigação do acidente", afirma o comunicado.

A maioria dos passageiros do avião eram cidadãos da Holanda. Ontem, o país recebeu dois aviões com restos mortais de passageiros. Esta quarta-feira, a Holanda está em luto.

O Boeing 777 da Malaysia Airlines, que decolou de Amsterdã em direção a Kuala Lumpur, caiu em 17 de julho, no leste da Ucrânia. A Rússia acredita que o acidente deve ser investigado por um grupo internacional de peritos, sob os auspícios da ICAO.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Embraer e Japan Airlines estendem programa de peças de reposição da frota de E-Jets

Aviação russa fará voo de observação sobre os EUA