Pular para o conteúdo principal

Rússia e China querem criar concorrente para Boeing

A China e a Rússia começam a trabalhar em conjunto para elaborar uma aeronave de passageiros de longo percurso.


Voz da Rússia

Esta terça-feira, em Xangai, um memorando de cooperação foi assinado pelo presidente da Corporação Aeronáutica Unida, Mikhail Pogosyan, e o presidente da empresa chinesa COMAC, Jin Tszanlun. O documento foi concluído na presença do presidente russo, Vladimir Putin, e o seu homólogo chinês, Xi Jinping.

"O novo programa deve ser um dos maiores projetos de larga escala da cooperação internacional no domínio da aviação e de alta tecnologia para ambos os países. A aeronave poderá ocupar uma parte do mercado considerável na Rússia e na China, bem como em países terceiros", afirmou o serviço de imprensa da Corporação Aeronáutica Unida.

Os dois países esperam que esse avião seja um concorrente para as produções europeias e americanas.

"A China está interessada na criação de pelo menos mil amostras. Se tudo correr bem, no futuro, fundaremos uma joint venture que poderá se tornar um concorrente para Airbus e Boeing. Estamos dispostos a comprar estes aviões também para suas necessidades", divulgou uma fonte da delegação russa ao jornal Kommersant.

Supõe-se que o fundamento técnico e econômico será apresentado pelas empresas este verão.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia investiga acidente com helicóptero em Itupeva

A polícia começou a ouvir os funcionários da fazenda que prestaram socorro às vítimas no interior paulista. Câmeras de segurança mostram o momento do acidente. O helicóptero vinha de Paraty.


Destroços de avião desaparecido há uma semana são localizados

Em Valença, no estado do Rio de Janeiro, foram encontrados os destroços do avião que estava desaparecido desde o dia 30 de janeiro. Os corpos de um empresário e de sua família também foram vistos.


Vento pode ter causado queda de avião no Japão

Segunda-feira, 23/03/2009Um avião de carga, que estava aterrisava no Aeroporto de Narita, sofreu uma queda e explodiu. O piloto e o co-piloto, únicos ocupantes morreram no hospital. A causa do acidente pode ser o vento.