Pular para o conteúdo principal

Fabricante russa, Sukhoi aguarda licença dos EUA para vender aviões ao Irã

A fabricante russa de aviões, Sukhoi Civil Aircraft, negou as alegações de que o Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros do Tesouro dos EUA negou a licença para exportar aviões SSJ100 para o Irã.


Sputnik

A agência de notícias iraniana Ilna citou uma fonte oficial da aviação iraniana afirmando que os EUA se recusaram a emitir um certificado de exportação porque os jatos russos tinham mais de 10% das peças fabricadas nos Estados Unidos.


Aviões Sukhoi Superjet 100 na fábrica em Komsomolsk-no-Amur
Sukhoi SuperJet 100 © Sputnik / Aleksander Kriazhev

"Não recebemos uma resposta — positiva ou negativa", disse a assessoria de imprensa da Sukhoi à Sputnik em resposta negativa às afirmações.

O SSJ100 é um avião bimotor com capacidade para transportar até 98 passageiros e voar a uma distância de até 3.975 mil quilômetros. O jato fez seu primeiro vôo em maio de 2008.

A Rússia e o Irã concordaram, ainda em abril de 2018, com a venda de 40 SSJ100's até 2022. No entanto, a reimposição de sanções norte-americanas ao Irã dificultou a obtenção de componentes fabricados nos EUA.

A Sukhoi disse que está avaliando um SSJ100R atualizado sem partes dos Estados Unidos para evitar lidar com empresas dos EUA.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Avião da TAM retorna após decolagem

Jornal do Commercio SÃO PAULO – Um avião da TAM, que partiu de Nova Iorque em direção a São Paulo na noite de anteontem, teve que retornar ao aeroporto de origem devido a uma falha. Segundo a TAM, o voo JJ 8081, com 196 passageiros a bordo, teve que voltar para Nova Iorque devido a uma indicação, no painel, de mau funcionamento de um dos flaps (comandos localizados nas asas) da aeronave.De acordo com a TAM, o avião passou por manutenção corretiva e o voo foi retomado à 1h28 de ontem, com pouso normal em Guarulhos (SP) às 10h38 (horário de Brasília). O voo era previsto para chegar às 6h45. A companhia também informou que seu sistema de check-in nos aeroportos ficou fora do ar na manhã de ontem, provocando atrasos em 40% dos voos. O problema foi corrigido.

Avião colide com ave em pleno voo e assusta passageiros (vídeo)

Com a colisão, o vidro do pára-brisas da aeronave ficou destruído, deixando o co-piloto com ferimentos leves
O Dia

Fortaleza - Um avião de pequeno porte que fazia a rota entre Fortaleza e Teresina, no último domingo, colidiu com uma ave durante o voo. Com a colisão, o vidro do para-brisa da aeronave ficou destruído, deixando o copiloto com alguns ferimentos leves no rosto.

Vidro do para-brisa de avião quebrou ao bater em ave
De acordo com o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáutico (Cenipa), a aeronave manteve a rota e pousou com segurança no destino.


Helicóptero quase encosta no gelo em resgate nos Alpes Franceses (VIDEO)

Esquiador com o joelho ferido precisou de ajuda em Chamonix. Piloto afirmou que manobra é frequente.
Por G1

Um helicóptero quase encostou no gelo no resgate de um esquiador com o joelho ferido em uma alta montanha de Chamonix, nos Alpes Franceses, na quarta-feira (2).
O piloto Jean-François Martin, de 46 anos, explicou à emissora France Bleu que se trata de uma manobra utilizada frequentemente pois permite que as pessoas embarquem ou desembarquem rapidamente da aeronave. “Não há nada de extraordinário”, afirmou.

O segredo, segundo ele, é observar se há ângulo suficiente para que as hélices não encostem na neve. O piloto acumula 5000 horas de voo e atua há seis anos em Chamonix.