Pular para o conteúdo principal

Mulher é atingida por hélice de avião em pouso de emergência no Canadá

Passageira teve apenas ferimentos leves em acidente em Edmonton.
Avião teve que fazer pouso forçado após pneu do trem de pouso estourar.


Do G1, em São Paulo

Uma passageira de um voo da Air Canada Express que fez um pouso de emergência na semana passada no aeroporto de Edmonton, no Canadá, relatou ter sido atingida na cabeça por uma das hélices do avião durante o acidente. 

Hélice de avião atravessou cabine e atingiu passageira em acidente com voo da Air Canada Express (Foto: Reprodução/Facebook/Melissa Menard)Hélice de avião atravessou cabine e atingiu passageira em acidente com voo da Air Canada Express (Foto: Reprodução/Facebook/Melissa Menard)

“Tive muita sorte”, disse Christina Kurylo à emissora CTV. “Do nada, algo veio rasgando minha janela e eu fui atingida na cabeça”, contou a mulher, que teve apenas ferimentos leves. Outras duas pessoas também ficaram feridas no acidente, todas sem gravidade. “Poderia ter sido um milhão de vezes pior, eu poderia ter morrido.”

Investigadores disseram que o avião Bombardier Dash 8 com 75 pessoas a bordo aparentemente teve um pneu do trem de pouso furado durante a decolagem e foi forçado a realizar o pouso de emergências.

Segundo os passageiros, o avião caiu de barriga e escorregou pela pista, causando fumaça dentro da cabine antes de parar completamente.

Christina contou que seus óculos voaram após o impacto da hélice e que o impacto a deixou atordoada e coberta de fibra de vidro. Com a cabine cheia de fumaça, um desconhecido que sentava ao seu lado a ajudou a sair do avião em segurança.

O acidente aconteceu por volta das 20h30 de quinta-feira (6). Investigadores do setor de aviação já ouviram os tripulantes e estão agora inspecionando a aeronave para detectar possíveis falhas que possam ter causado o acidente.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia investiga acidente com helicóptero em Itupeva

A polícia começou a ouvir os funcionários da fazenda que prestaram socorro às vítimas no interior paulista. Câmeras de segurança mostram o momento do acidente. O helicóptero vinha de Paraty.


Avião cai e mata dois

A queda de um bimotor que fazia a rota Teresina-Recife, com dez pessoas a bordo, provocou pânico em San Martin. Oito passageiros ficaram feridas


Um avião bimotor, modelo King Air B200, que retornava de Teresina, no Piauí, com dez pessoas a bordo, a maioria empresários pernambucanos, caiu às 11h15 de ontem, no bairro de San Martin, na Zona Oeste do Recife, e por pouco não provocou um dos maiores acidentes aéreos da história de Pernambuco. O piloto morreu na hora e um dos passageiros, a caminho do hospital. As outras oito pessoas ficaram feridas, uma delas em estado grave. O número de mortos e feridos, entretanto, não foi maior graças à habilidade do piloto. Os 25 anos de experiência permitiram que salvasse diversas famílias que passavam o domingo em casa, nas estreitas ruas do bairro, com 23 mil habitantes.

Sete casas foram atingidas, mas havia moradores em apenas duas delas. Uma dona de casa sofreu arranhões leves. O piloto Eurico Pedrosa Neto, 47 anos, que quebrou o pescoço no acidente…

Destroços de avião desaparecido há uma semana são localizados

Em Valença, no estado do Rio de Janeiro, foram encontrados os destroços do avião que estava desaparecido desde o dia 30 de janeiro. Os corpos de um empresário e de sua família também foram vistos.