Pular para o conteúdo principal

Aeroporto de Brasília pode operar um voo por minuto

Terminal ocupa 2º lugar em movimentação nacional e 3º em internacional


Francine Monteiro | Diário do Poder

Agora o Aeroporto Internacional de Brasília é o maior terminal do Brasil em relação à capacidade de operação, podendo fazer até um voo a cada um minuto, nos horários de maior movimento. Anteriormente a capacidade de operação do sistema de pista era de 44 aeronaves por hora, agora são 52 aviões, no mesmo intervalo de tempo.




O Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea (CGNA) foi quem realizou os estudos necessários e autorizou a ampliação da capacidade do sistema de pista. Segundo a Inframerica, concessionária responsável pelo aeroporto, o fato de ter mais oito novos voos por hora, significa um crescimento de até oito mil passageiros por dia, considerando a média de movimentação diária.

O aeroporto JK tem duas pistas paralelas, cada uma com cerca de 3,2km de extensão, ambas funcionam simultaneamente para pousos e decolagens. Todos os dias cerca de 450 aeronaves aterrissam e decolam em Brasília. Houve um acréscimo de 2,18% na movimentação de aeronaves no aeródromo, se comparados os períodos de janeiro a outubro de 2014 com o mesmo período de 2013.

Devido ao acréscimo no número de operações por hora, as empresas aéreas estão procurando o aeroporto de Brasília para negociar novos pedidos de voos. A expectativa é que até o final do ano existam mais opções de horários e destinos para todo o país, além de novas rotas internacionais. Com as obras de ampliação, o terminal passa a ser o 2º em movimentação de passageiros do Brasil e o 3º em movimentação internacional. Desde o começo do ano, já passaram pelo terminal cerca de 14 milhões.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia investiga acidente com helicóptero em Itupeva

A polícia começou a ouvir os funcionários da fazenda que prestaram socorro às vítimas no interior paulista. Câmeras de segurança mostram o momento do acidente. O helicóptero vinha de Paraty.


Avião cai e mata dois

A queda de um bimotor que fazia a rota Teresina-Recife, com dez pessoas a bordo, provocou pânico em San Martin. Oito passageiros ficaram feridas


Um avião bimotor, modelo King Air B200, que retornava de Teresina, no Piauí, com dez pessoas a bordo, a maioria empresários pernambucanos, caiu às 11h15 de ontem, no bairro de San Martin, na Zona Oeste do Recife, e por pouco não provocou um dos maiores acidentes aéreos da história de Pernambuco. O piloto morreu na hora e um dos passageiros, a caminho do hospital. As outras oito pessoas ficaram feridas, uma delas em estado grave. O número de mortos e feridos, entretanto, não foi maior graças à habilidade do piloto. Os 25 anos de experiência permitiram que salvasse diversas famílias que passavam o domingo em casa, nas estreitas ruas do bairro, com 23 mil habitantes.

Sete casas foram atingidas, mas havia moradores em apenas duas delas. Uma dona de casa sofreu arranhões leves. O piloto Eurico Pedrosa Neto, 47 anos, que quebrou o pescoço no acidente…

Destroços de avião desaparecido há uma semana são localizados

Em Valença, no estado do Rio de Janeiro, foram encontrados os destroços do avião que estava desaparecido desde o dia 30 de janeiro. Os corpos de um empresário e de sua família também foram vistos.