Pular para o conteúdo principal

Piloto morre em queda de ultraleve em Brasília

Ele bateu, durante manobra, em aeronave conduzida pelo pai, diz polícia.
Acidente aconteceu em uma área próxima à BR-251.


Do G1 DF

Um homem morreu após a queda de um avião monomotor em uma chácara de São Sebastião, no Distrito Federal, na tarde desta segunda-feira (19). Segundo a Polícia Civil, ele era o único ocupante do ultraleve e se chocou no ar com a aeronave conduzida pelo pai, que voava junto. O acidente aconteceu em uma área próxima à BR-251, na saída para Unaí (MG).

Aeronave que cau em chácara de São Sebastião, no DF, e viatura de bombeiros (Foto: Lucas Salomão/G1)Aeronave que caiu em chácara de São Sebastião, no DF, e viatura de bombeiros (Foto: Lucas Salomão/G1)

Responsável pelas investigações, o delegado Érito Cunha disse que o pai conseguiu equilibrar o outro monomotor e estacioná-lo no Aeródromo Botelho. Ele foi localizado pela polícia e periciado. Em depoimento, o pai contou que o filho tentou fazer uma manobra passando por baixo do ultraleve que ele conduzia, quando ocorreu a batida.

Por volta das 16h, o corpo do piloto continuava no local, à espera da perícia. O G1 procurou o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) para comentar o assunto, mas não recebeu resposta até a publicação desta reportagem.

De acordo com a Anac, o veículo pilotado pela vítima constava como de “caráter experimental”, por isso não possuía certificado, mas apenas registro. A agência informou que a aeronave estava em situação regular, de acordo com o “Registro Aeronáutico Brasileiro” (RAB).

Aviões em caráter experimental operam com restrições. Os veículos são impedidos, entre outras coisas, de sobrevoar áreas povoadas, diz a Anac. Os pilotos de aeronaves nessas condições assumem a responsabilidades por possíveis danos, segundo a agência.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia investiga acidente com helicóptero em Itupeva

A polícia começou a ouvir os funcionários da fazenda que prestaram socorro às vítimas no interior paulista. Câmeras de segurança mostram o momento do acidente. O helicóptero vinha de Paraty.


Destroços de avião desaparecido há uma semana são localizados

Em Valença, no estado do Rio de Janeiro, foram encontrados os destroços do avião que estava desaparecido desde o dia 30 de janeiro. Os corpos de um empresário e de sua família também foram vistos.


Vento pode ter causado queda de avião no Japão

Segunda-feira, 23/03/2009Um avião de carga, que estava aterrisava no Aeroporto de Narita, sofreu uma queda e explodiu. O piloto e o co-piloto, únicos ocupantes morreram no hospital. A causa do acidente pode ser o vento.