Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

Duas pessoas morrem em queda de monomotor na região de Londrina

Imagem
Homem e mulher estavam no avião e morreram na hora, segundo polícia.
Ainda não se sabe o que causou a queda e quem pilotava a aeronave.
Do G1 PR

Um monomotor caiu no fim da manhã desta sexta-feira (26) entre os municípios de Jaguapitã e Porecatu, na região de Londrina, norte do Paraná. Um homem e uma mulher morreram na hora, de acordo com a Polícia Civil.


Segundo a polícia, o avião caiu próximo a uma plantação de soja. Ainda não se sabe os motivos que causaram a queda.

A Polícia Civil divulgou os nomes das vítimas às 15h. Morreram no acidente a advogada Jane Resina Fernandes de Oliveira e o marido dela, Paulo Cesar de Oliveira, de Mato Grosso do Sul. A polícia disse ainda que o casal viajava de Campo Grande para Londrina.

O escritório de advocacia Resina e Marcon, empresa da advogada morta no acidente aéreo, divulgou que os corpos do casal serão cremados em Londrina. 

Projeto pode permitir a estrangeiro controlar empresa aérea no Brasil

Imagem
Permissão seria apenas em caso de reciprocidade entre Brasil e outro país.Legislação prevê atualmente participação estrangeira máxima de 20%.
Fábio Amato | G1, em Brasília

O governo federal vai propor uma mudança na lei para que grupos estrangeiros sejam autorizados a controlar empresas aéreas que operam dentro do Brasil. Atualmente, o Codigo Brasileiro de Aeronáutica (CBA) limita a participação estrangeira em 20%.



Uma mudança nessa legislação vem sendo discutida há anos. A principal discussão, porém, girava em torno do aumento na participação de estrangeiros, para até 49%, mantendo o controle das empresas aéreas em mãos de empresários brasileiros.

Nesta sexta-feira (26), o Ministério da Fazenda informou que vai encaminhar ao Congresso, nos próximos dias, um projeto que eleva de 20% para 49% a participação de grupos de fora.

A proposta, porém, vai prever uma segunda situação: nos casos de reciprocidade entre os países, esse percentual pode ser ainda maior.

Isso significa, por exemplo, …

Anac desativa centro de treinamento no RJ após reforma de R$ 1 milhão

Imagem
Obra de 3 meses em edifício foi para obter certificação internacional da Icao.Novo centro será no DF; contra mudança, servidores apontam desperdício.
Tahiane Stochero | G1, em São Paulo

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu desativar um prédio da União que utiliza em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, após realizar uma reforma completa de quase R$ 1 milhão em 2015.


No local funciona o centro de treinamento para pilotos e profissionais da aviação, e a reforma foi necessária para que a Anac recebesse uma certificação internacional da Organização Internacional de Aviação Civil (Icao) – entidade da ONU responsável por regular o setor, para atuar como ponto de referência em instrução na América Latina.

A ideia da agência é construir um novo centro de treinamento em Brasília, em um prédio de propriedade pública dentro do aeroporto da capital federal e que terá também que passar por reformas. A previsão é começar a funcionar até 2018 e o custo da transferência, segundo a agência, se…

Rio de Janeiro terá visita do Airbus A380 durante as Olimpíadas

Imagem
Assim como ocorreu em Guarulhos, aeroporto do Galeão terá um voo especial do maior avião de passageiros do mundo
Ricardo Meier | Airway

O movimento de passageiros nos aeroportos brasileiros foi menor em 2015 e espera-se mais redução este ano, mas isso não tem sido motivo para que algumas companhias aéreas aproveitem para promover seus serviços com o Airbus A380, o maior avião de passageiros do mundo. Depois de pousar em Guarulhos em novembro do ano passado, em voo único pela Emirates Airline, agora será a vez do Aeroporto do Galeão receber o gigante, mas apenas na época dos Jogos Olímpicos, em agosto. 


A companhia aérea da vez será a Air France, que planeja uma série de voos extras para o Rio de Janeiro durante o evento esportivo. O voo de número 444 com A380 também será único: chegará no dia 22 de agosto, uma segunda-feira, às 8h30 e partirá de volta para Paris às 10 horas da noite, já com a numeração 445. Nesse dia, o Airbus de dois andares substituirá um Airbus A340-300 oferecendo 516…

Pane em controle aéreo em SP suspende voos

Imagem
Problemas nas frequências de rádios obrigaram aviões prestes a pousar a permanecer no ar; falha afetou Cumbica e Congonhas
Mônica Reolom | O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO - Uma pane nos equipamentos que gerenciam as frequências de rádio-comunicação dos Aeroportos de Congonhas, na zona sul de São Paulo, e de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, provocou a suspensão de dezenas de pousos e decolagens por 15 minutos na noite desta sexta-feira 5. 

Ao menos 40 voos nos dois aeroportos atrasaram ou tiveram de ser desviados para outros locais, segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) e a Gru Airport, administradora de Cumbica. O Comando da Aeronáutica confirmou que os sistemas falharam às 20h45, momento em que um sistema de radiofrequência alternativa foi ativado. A falha atrapalhou a troca de informações entre os pilotos e os controladores de voo dos aeródromos. Segundo a Aeronáutica, às 21 horas a comunicação já havia sido restabelecida.

Os problemas nas f…

CCR fecha compra de terreno para novo aeroporto em SP – Via Trolebus

Imagem
Caio Lobo | Via Trolebus

O grupo CCR informou que sua controlada Companhia de Participações em Concessões (CPC) fechou a compra do terreno nos municípios de Cajamar e Caieiras, Grande São Paulo, pelo valor de R$ 387,415 milhões. 



Em outubro do ano passado, a CCR já havia informado ao Mercado que assumiu os direitos de um contrato de opção de compra de um terreno para o aeroporto em Caieiras com o projeto intitulado de Nasp (Novo Aeroporto São Paulo).

Estudos iniciais do grupo apontam que o novo aeroporto pode ter capacidade de 50 milhões a 60 milhões de passageiros por ano, com voos nacionais e internacionais. O valor do projeto está entre R$ 7 bi a R$ 8bi.


Avião é evacuado após ameaça de bomba em Madri

Imagem
Aeronave partiria do aeroporto de Barajas com destino à Arábia Saudita. Papel com a mensagem "11h30 bomba" teria sido encontrado a bordo, junto a uma faca.
Deutsch Welle

Passageiros de um voo que iria de Madri, na Espanha, para Riad, na Arábia Saudita, foram obrigados a deixar a aeronave na manhã desta quinta-feira (04/02), após uma ameaça de bomba. Mais tarde, o Ministério do Interior espanhol informou que se tratava de um alarme falso. 



O voo da companhia Saudi Arabian Airlines deixaria o aeroporto de Barajas, na capital espanhola, às 10h50 (horário local). Os 97 passageiros e 15 tripulantes já estavam dentro da aeronave quando o comandante emitiu o alerta.

Segundo fontes de investigação citadas pela agência de notícias Efe, um papel contendo a mensagem "11h30 bomba", em inglês, teria sido encontrado num compartimento de bagagens junto a uma faca.

Foi decretado estado de alerta geral no aeroporto, e a aeronave foi então conduzida para uma pista remota do terminal,…

Ator Jackie Chan recebe na China segundo jato executivo da Embraer

Imagem
Garoto propaganda da empresa, ele recebeu o Legacy 500 nesta segunda.Jato custa cerca de US$ 20 milhões e comporta oito passageiros.
Do G1 Vale do Paraíba e Região

O ator de Hollywood e empresário chinês, Jackie Chan, recebeu nesta segunda-feira (1º), em Tianjin, na China, um jato executivo Legacy 500 da Embraer avaliada em US$ 20 mihões. Ele, que é o embaixador da fabricante de aviões na Ásia desde 2011, é o primeiro cliente do país asiático a adquirir o modelo.

Essa é a segunda aeronave que Jackie Chan compra da Embraer. Em 2012, ele esteve no Brasil para receber um Legacy 650, com capacidade para 14 passageiros, que é usado por ele e por sua equipe de produção em viagens intercontinentais. O preço de lista desta aeronave é de US$ 32 milhões.

O novo modelo, o Legacy 500, comprado em 2013 pelo ator, é um avião de médio porte, com capacidade para oito passageiros e que faz pousos em pistas curtas. O modelo tem um sistema que permite uso de telefonia e internet durante o voo. A aeronave…

Duas vítimas de aeronave que caiu em Florianópolis são identificadas

Imagem
Bombeiros e embarcações da Marinha buscam pelos dois homens no mar.
Empresário, de Rondônia, havia se mudado para SC há cerca de um mês.
Do G1 SC

A identidade dos dois ocupantes da aeronave que caiu no mar em Florianópolis nesta segunda-feira (1º) foi divulgada. No monomotor estavam o empresário e fazendeiro Robson Guimarães e o piloto Marlon Neves, que continuam desaparecidos.


Os dois iam para Ji-Paraná, em Rondônia, de onde são as famílias deles e onde ficam os negócios de Guimarães. Ele havia se mudado para Florianópolis a cerca de um mês, como mostrou o Jornal do Almoço.

Queda do monomotor

O monomotor, que tinha capacidade para seis pessoas, decolou às 5h15 do Aeroporto Hercílio Luz e caiu aproximadamente três minutos depois, a seis milhas do aeroporto, perto da Ilha do Campeche.

O sistema de controle aéreo da Aeronáutica acionou o Corpo de Bombeiros por volta das 5h30, porque os militares perderam o contato com a aeronave por radar e por rádio.

Em sobrevoo, os bombeiros avistaram do …